Tu é daqueles que ama adrenalina, natureza e esporte? Então você sabe que o surf em Torres é um dos maiores atrativos da cidade. A cidade é o local ideal para quem quer pegar ondas e procura um destino no litoral gaúcho. Isso porque as gigantes podem chegar a três metros de altura; um paraíso para quem ama se equilibrar na prancha e sentir o vento no rosto. Esse é o tema do quarto vídeo da nova fase do canal Descubra Torres, que mostra um pouco da história da cidade – e o surf faz parte dela.

De fato, Torres é um dos principais picos para a prática do surf em toda a costa gaúcha. E o esporte em Torres tem, sim, muita história por trás. Tu gosta do assunto, sente saudades das praias e quer saber como os locais são preservados por atletas, turistas e nativos das melhores regiões? Então não deixe de assistir ao vídeo. Mas, antes, confira um pouquinho do que tu vai encontrar por lá!

Surf em Torres: é vital

Foi com essa palavra que Daison Pereira, oito vezes campeão gaúcho de surf, definiu o surf em Torres. O atleta decidiu seu futuro ainda muito jovem: aos sete anos de idade disse ao pai que queria surfar quando crescesse. Os planos deram certo e, hoje, ele compõe o grupo com os principais atletas da cidade gaúcha.

Torres parece ter sido esculpida para o esporte. Além das praias e da presença da natureza, as ondas são únicas. Para tu ter uma ideia, de acordo com Rodrigo Pedra, surfista profissional que já ganhou até do campeão mundial Kelly Slater, não existe mar como o de Torres. “É o melhor lugar do mundo – e olha que eu já viajei o mundo inteiro. Tem onda o ano todo; é uma das melhores ondas do mundo!”, disse o surfista, que conheceu o esporte por meio do irmão mais velho. 

Mas como começou essa história? Para Alexandre Menezes, um dos pioneiros do surf em Torres, o responsável foi Oscar Martins. “Foi quem começou isso tudo. Sempre temos que dar uma ênfase para ele na história do surf. É um grande homem do mar”. Martins chegou a fabricar sua primeira prancha, cuja réplica, hoje, encontra-se no Memorial do Surf da cidade.

A família Gerdau também teve uma parcela de responsabilidade. É o que diz Carlos Joni Salles, 1º Presidente da AST (Associação dos Surfistas de Torres). “Eles passavam o verão aqui e trouxeram as primeiras pranchas para o estado. O seu Jorge [Gerdau] pode ser considerado o pai do surf”, diz. 

Alguns anos depois surgiram outros nomes de peso, como Marco Antônio Macaco, que ajudou a fundar a AST, e Cristina Cardoso, pioneira do surf feminino em Torres e que já chegou a ser literalmente pescada no mar (tu precisa ouvir essa história completa no vídeo!). 

Cardoso começou a surfar com 13 anos e afirma que o esporte é resistência e resiliência. “Tu tem que ir te acomodando conforme o mar se apresenta para ti”, diz ela a respeito da imprevisibilidade das situações sobre a prancha.

Cena atual do surf em Torres

Os campeonatos de surf tiveram que ser interrompidos por conta da pandemia da Covid-19. A última competição foi a Guarita Eco Festival de Surf, que aconteceu em janeiro e que consagrou o surfista Iuri Silva na categoria Open, a mais difícil. O segundo colocado, Gustavo Borges, também compõe a lista dos atletas mais premiados da atualidade.

A cidade ainda conta com CBSurf Pro Tour, LRS (Liga Rio-Grandense de Surf) e outras competições que envolvem profissionais, atletas mirins e até circuitos exclusivos para as mulheres que arrasam nas ondas de Torres. Uma delas é Yasmin Dias, grande nome do esporte no Brasil.

Tu se interessa pelo esporte e não sabe onde ir em Torres para praticar? Confira abaixo os locais que mais atraem surfistas amadores e profissionais.

Praia da Cal

A Praia da Cal é a menos indicada para quem ainda não tem muita familiaridade com as ondas e a prancha. Isso porque o risco de acidentes no local é maior, o que é compensado pelo visual e pelas ondas. Para cair no mar e evitar se machucar com as pedras, o ideal é saltar da encosta do morro. Mas, atenção: somente quando houver Vento Sul; caso contrário, você poderá ser jogado contra as pedras. 

Praia da Guarita

Outra opção disputada por diversos grupos de surfistas é a Praia da Guarita. O mar é agitado e forma ondas de até três metros de altura. Um paraíso para os atletas mais destemidos! O local ainda conta com lindas falésias e um visual de encher os olhos! Para receber bem os visitantes, sua infraestrutura conta com banheiros, lanchonetes, lojas e outros comércios que facilitam a vida do surfista.

Praia dos Molhes

Tu ainda está aprendendo a surfar? Então considere a Praia dos Molhes como destino! O mar é mais calmo e apresenta ondas mais modestas, principalmente no verão gaúcho. Por conta disso, é muito comum observar pais, mães e filhos surfando no local. A faixa de areia é extensa e promete receber muito bem os turistas, visitantes e atletas que querem experimentar um pouco de adrenalina na Praia dos Molhes. A praia também conta com boa infraestrutura e águas cristalinas.

Saiba mais sobre o Descubra Torres

O projeto Descubra Torres, idealizado pela Infinity Imobiliária Digital, foi pensado com o objetivo de divulgar as mais curiosas e importantes histórias da cidade gaúcha. Por meio de vídeos semanais, a iniciativa indica locais, fala dos principais eventos e conta as histórias mais ricas da região. 

Ao todo, já são mais de 50 conteúdos que falam do Festival de Balonismo de Torres, Torres na Quarentena, os patinetes da cidade, entre outros temas que atraem a curiosidade e aguçam o orgulho dos moradores em viver na região. 

Encontre imóveis em Torres

Como tu viu, a cidade de Torres tem paisagens naturais de cair o queixo e histórias incríveis para contar. Se tu pensa em passar uma temporada aqui, se está pensando em se mudar ou quer investir na cidade, comece a procurar por um imóvel em Torres.O ideal é contar com a ajuda de uma imobiliária de confiança e garantir transações seguras e feitas por intermédio de profissionais que sabem tudo do mercado. Fale com os especialistas da Infinity Imobiliária Digital e veja como podemos ajudar você!